jump to navigation

Igreja condendando o amor? outubro 25, 2007

Posted by Melissa Quintanilha in divagacoes.
trackback

Nossa, eu nunca falei de religiao aqui. Nem gosto de entrar no merito da discussao pois nunca me aprofundei muito no assunto. Nasci numa sociedade catolica mas nunca me identifiquei com o catolicismo, nunca tive o costume de frequentar a igreja. Ficava pensando se tinha algo de errado comigo por nao me identificar com nenhuma religiao. Ate que recentemente tive mais contato com budismo, passei a ler mais. Nao sou budista oficialmente mas diria que sou “simpatizante”. Sim, nao sou uma anormal, existe uma doutrina com a qual me identifico, e isso me deu um certo conforto.

Voltando ao assunto igreja.

A sequencia de pensamentos comecou hoje quando estava chegando ao trabalho e vi um carro com o simbolo da igualdade (usado pela comunidade gay como forma de pedir igualdade para todos). E fiquei pensando: Como pode a igreja condenar o homossexualismo? Como pode ela dizer: e’ errado ser homossexual. Errado??? Quem disse o que e’ certo? E’ certo homem com mulher… mas homem com homem e mulher com mulher ‘e errado?

Na minha visao sao somente formas diferentes de amar!
Como pode a igreja condenar o amor? O mais sublime dos sentimentos?

Podem tentar me explicar como for, mas eu nao consigo entender! Alias, me revolta falar que o amor entre pessoas do mesmo sexo ‘e errado. Fico pensando em como e’ injusta essa socidade, querendo ditar o que e’ certo e o que ‘e errado.
E isso me faz desacreditar em tudo mais que a igreja diz.

Ai’ alguem se espanta quando eu digo: Nao vou casar na igreja.
Pq sera que 99,99% das mulheres seguem essa tradicao? Sera que todo mundo sabe o real significado da tradicao antes de seguir? Ou sera que sao somente marionetes que ja nao questionam mais nada nessa vida? Antes de comecarem a jogar tomates no blog, eu digo: Nao sou contra quem casa na igreja. Respeito quem faz essa opcao. So que ela nao ‘e a minha.

Eu nao quero viver no piloto automatico nao, gente…

Anúncios

Comentários»

1. RENATA - outubro 25, 2007

Amiga,

Sabe aquelas perguntas que não têm resposta….pois é….essa é uma delas, além de ser super polêmica. rsrsrsr
Eu, particularmente, também acredito que não existe certo e nem errado. Para mim o que importa é estar bem consigo mesmo e ponto.
Em relação a casar na igreja de branco e tal….eu acho lindo mas não tenho vontade. Acho que não tem nada a ver comigo. Quero casar sim……mas prefiro uma casório diferente! hehehehehe

Cada um com seu cada um….

bjus lindona
saudades

2. VP - outubro 26, 2007

Mel, dizer que a igreja está condenando o amor é um sofisma. Se você pegar a letra fria da norma, amor e luxúria são coisas diferentes. Amor é aquele que serve para constituir família e família é aquilo que serve à procriação, certo? o resto é perversão.

Agora, lembremo-nos… essa regra foi escrita em tempos imemoriais, onde a monogamia era uma questão não só de gosto do sacerdote mas de saúde pública, certo? Outra coisa: não dá para esperar da igreja, dessa ou de qualquer outra, que tenha um discuros para seus fiéis esclarecidos e outro para a massa ignorante. E lembre-se: todo discurso é feito sempre em benefício do ouvinte mais ignorante. Sempre.

Isto posto, se a gente confia em si mesmo, é acreditar que o cara lá em cima tem as “exceções” dele muito bem estabelecidas. E seguir em frente e ser feliz. Agora, esperar esse tipo de compreensão da igreja, bem, é sofrer. Ela nunca vai admitir isso. Mas eu entendo que não admita, embora essa norma, para mim, não sirva.

Beijo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: