jump to navigation

Minha companheira novembro 25, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in comida, diversao & arte.
trackback


Eu tô passando mais tempo com essa bici do que imaginava. Estou fazendo valer cada centavo do investimento e está sendo o máximo. Na 1a semana, eu caí todo santo dia. Fiquei toda ralada e com ambos os joelhos roxos. Aí me perguntam “Fica caindo pq? Não sabe andar de bicicleta?”. É que esse tipo de bike é diferente. Vc não alcança os pés no chão e os pés ficam presos no pedal. Então tem que ter um jeitinho pra subir e descer. E me levou uma semana pra aprender o tal jeitinho. Naquela semana eu fui e voltei de bike pro trabalho todos os dias morrendo de medo. Acho que passei umas 3 semanas meio desconfortável. Os pneus finos, o jeito de subir e descer, as curvas onde você tem que ficar meio inclinada em relação ao chão.

Mas depois que você se acostuma, quanta diferença. Eu sonhava com uma bike dessa, mas não sabia pq a queria. Só via os outros e imaginava que deveria ser muito legal. E é! É uma coisa bem fluida, uma maravilha. Até pra subir ladeiras é menos difícil. Mas aqui tem tanta ladeira, que no final das contas não faz tanta diferença.

Domingo fez um solão aqui, em pleno final de novembro. Dessa fez eu peguei a bichinha e fui até Seattle. Um caminho muito lindo. Na maior parte na beira do lago. Como o céu estava limpo dava pra ver todas as montanhas. E aqui tem montanha em toda a volta. Muito bonito. Depois de 43km, voltei com a bicicleta no ônibus, lá de Seattle. Os ônibus aqui tem uma estrutura na frente pra você encaixar a bici. Essa cidade é mesmo muito bike friendly.

—-
Ah, e saiu outra entrevista comigo, num blog muito legal de brasileiros que moram no exterior. Confiram:
http://expatriados.wordpress.com/2008/11/24/jornada-a-microsoft/

Anúncios

Comentários»

1. Rogea - novembro 25, 2008

Oi Melissa,
Um amigo nosso em comum entrou em contato com vc através do seu blog e me falou que você tá morando na região de Seattle. Ele até tentou combinar um almoço com você, não sei se você lembra, o nome dele é Vinicius Vonheld. Meu nome é Rogea e também estou morando na região há um ano. Eu também fiz informática na UFRJ e não sei se você se lembra mas acho que até fizemos uma matéria juntas. Legal saber que você está na Microsoft. Meu marido também trabalha para a Microsoft e em breve espero eu também. Bom, estou entrando em contato porque conhecer brasileiro é sempre bom né? hehehe. Tem uma comunidade grande de brasileiros aqui, não sei se você já conheceu alguém. Bom, se quiser entrar em contato meu email é rogeasr@yahoo.com.br

Abraços,
Rógea

2. Luciana Carvajal - novembro 25, 2008

Oi!
Acompanho seu blog já faz um tempão, desde quando era em outro domínio… =) Sou aspirante a designer (estou tentando passar no vestibular da UnB já faz um tempinho) e gosto muito dos seus trabalhos! Também sou “bicicleteira”. Aqui em Brasília vou para todos os lados de bike. É algo muito divertido e prazeroso, não? Pena que equipamentos aqui sejam tão caros. Adorei sua bike! Nota 10! Acho que o legal do ciclismo são os desafios. Cada obstáculo superado é uma vitória e me dá gás pra continuar pedalando (principalmente subindo ladeiras, uff!), tento trazer isso para minha vida, sempre =)
Parabéns por suas conquistas!!! Um abraço!!!

3. fernandomainardi - novembro 25, 2008

Melissa,
Fefê do Rancho comentando…
Sou apaixonado por bicicletas tambem e como mora na inóspita São Paulo, meus passeios são bem mais raros. Pedalo com bikes de Speed e MTB, mas é quase impossível sair da minha casa sem ter que carregar a bike no carro até um local bike friendly.
Apanhei muito tambem nas minhas primeiras pedaladas com sapatilha, mas depois que peguei o jeito não quero outra coisa…
Sugiro para vc o roadbikereview.com
É um portal de ciclismo com links super úteis como o forum de “Commuting, Touring and Ride Reports”.
Tem dicas preciosas e fotos lindas de pedaladas.
Só para me deixar morrendo de inveja aqui nessa terra pouco civilizada.
Um beijo e grandes pedaladas!
Fefê.

4. Vivi - novembro 26, 2008

Amei sua entrevista no expatriado e vim te ver 🙂
Bjokas

5. Bin - novembro 27, 2008

Que ótima idéia essa dos ônibus com lugar para colocar bicicleta. Por que você não faz uma fotografia para a gente poder visualizar melhor? Quem sabe mando para o sindaco aqui de Firenze… Também adoro bicicleta e vou para todo lugar com a minha!

6. - novembro 28, 2008

Que delicia poder ir de bike pro trabalho! Eu fiz isso uma época em que trabalhava mais perto, mas agora trabalho do outro lado da cidade e fica meio complicado.

Parabéns pelo blog! Ja’ cadastrei no meu Reader. 🙂


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: