jump to navigation

Itália, chegou a hoooora dezembro 25, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in viagens.
2 comments

Rumo à Itália em 30 minutos.
Está um misto de chuva e neve lá fora. A temperatura é de 2ºC e espero que não acumule mais neve e gelo no chão.
Olhei agora o site da Northwest e meu vôo está “on schedule”.
Vôo 34 de Seattle diretamente à Amsterdam. Uhu!

Tô levando uma malinha pequena mas que incrivelmente comporta tanta coisa.
De presente pro Davide tô levando uma chuteira super fashion da Nike (presente pra Italiano tem que ser fashion, né? Não tem jeito). Coloquei a chuteira dentro da própria caixa, dentro da minha mala. Só isso já ocupou metade dela.
Ainda tô levando meu mega secador de cabelo super solano.
Mais um relógio pro Davide, chocolate pros pais, sapatos e todas as minhas roupas.
São os milagres da compressão pré-viagem. Acho que aprendi com meu pai.

Nesse clima de viagem, até esqueço que é Natal.
Um Feliz Natal a todos! Curtam muito com suas famílias. E agradeçam a Deus por estarem em família neste dia.

O próximo será da Itália! 🙂

Free as a bird dezembro 24, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in comida, diversao & arte.
2 comments

Ebam, agora tô de férias!

Como passou rápido esse ano. Agora preciso aproveitar essas férias pq depois talvez seja só uma semana em Agosto e depois não sei.

Já é dia 24 e pela primeira vez eu vou passar a véspera de Natal sozinha em casa. Tudo bem, acontece. Não é por isso que vou me abater. Vou aproveitar o dia pra descansar, lavar minhas roupas, fazer a mala e ver uns animes japoneses que vou pegar na biblioteca. Pro jantar vou fazer canelloni con molho de tomate e abobrinha. Minha self seia de natal!

Pelo menos eu tenho a recompensa de estar indo pra Itália no dia seguinte. 😀

Vivendo num cartão de natal dezembro 20, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in profissao.
3 comments

Quinta-feira nevou o dia inteiro. Como aqui eles não têm estrutura pra lidar com tanta neve, eu resolvi não me arriscar e trabalhar de casa. Durante o dia descobri que só uma amiga minha foi ao trabalho pois ela mora perto da Microsoft e pode ir a pé. Essa neve realmente deixou todo mundo em casa, mas pro pessoal da MS foi só uma questão de trabalhar virtualmente e não fisicamente. Que bom ter essa flexibilidade. 5a foi um dia tão pacífico. Eu acordei e vi que tudo estava coberto de neve. Como não estava mais nevando, fui tomar banho pra me arrumar pra ir ao trabalho. Quando saí do banho tava mó nevasca lá fora. De manhã cedo chegou um e-mail do trabalho dizendo que a cafeteria teria serviço reduzido, que os shuttles não iam estar circulando e que não teria recepcionistas! Eu, que não tinha nenhuma reunião marcada e tudo pra trabalhar remotamente, fiquei em casa. Ainda dormi mais uma horinha antes de começar a trabalhar. 🙂 E trabalhar ouvindo esse tipo de música e vendo a neve caindo branquinha lá fora… não é nada mal!

Sabiam que a minha divisão na Microsoft tem uma política de “no meetings Friday”? O pessoal atocha todos os meetings de 2a a 5a pra poder trabalhar de casa na 6a quem quiser. Eu nunca tinha feito isso pois o próprio trabalho fica tranquilo na 6a de tão vazio. Mas agora que já trabalhei de casa uma vez, acho que vou passar a fazer isso com mais frequência no futuro. Umas 2 vezes por mês. Acreditem: é um trabalho que relaxa! E ainda me pagam por isso? Uhu!

2009 chegando dezembro 18, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in divagacoes.
3 comments

Nem acredito que falta somente 1 semana pro natal e pra minha viagem. Desde que me mudei pra cá que o tempo passou voando e eu nem vi! O que é um ótimo sinal. Estou curtindo viver no presente e não tenho sentido ansiedade nenhuma. Coisa que antes era muito diferente. Foi muito difícil a época do mestrado, não tinha como evitar ficar ansiosa, estressada e extremamente cansada. Pra quem já passou por uma graduação e um mestrado, trabalhar se torna um “piece of cake”. Eu me dedico totalmente durante as 8 horas diárias e depois ainda tenho um tempão pra fazer o que quer que eu queira. Eu tenho estudado bastante esses meses. Vai ser bom agora viajar por 10 dias e esquecer de absolutamente tudo, renovar todas as energias e começar 2009 zero bala.

Acho que vai bombar esse ano de 2009.
Uma coisa é certa: a minha vida vai melhorar ainda mais. No esquema “chega de sofrer”, em Janeiro já vou começar a pesquisar um carro. Agora que a situação do meu waiver se resolveu vale a pena comprar um carro. Ninguém aqui vive sem. Você fica muito limitado. Eu ainda tenho sorte de morar perto do centro de Kirkland e posso fazer algumas coisas a pé. Tenho condições de ir de bike pro trabalho. Mas se tem alguma coisa que não seja ou no centro de Kirkland, ou no caminho da minha bike, não tenho como ir. Se alguém me convida pra uma festa ou um jantar, como eu faço? Vou e volto de taxi? Outro exemplo é que nunca posso ir na Target ou Walmart pq não tenho nenhuma no meu raio de alcance. E no Whole Foods, meu supermercado preferido? Nem pensar…

Mais uma da série “chefa de sofrer”: Vou comprar um iPhone. Eu realmente odeio esse meu telefone atual. E pago 55 dolares por mês pra manter aquela caixinha prateada com um dos piores designs de interface do mundo. Por praticamente o mesmo preço eu posso mandar a Verizon se catar e aprender a melhorar seus produtos.

A 3a da série “chega de sofrer” é que eu quero um gato! (meu pai agora deve estar pensando “ai, lá vem ela de novo com a história desse gato”). Mas vejam bem, durante a minha vida inteira eu quis ter um gato. E nunca tive por diversas razões. Agora eu tô morando sozinha, pagando minhas contas e tenho quase 30 anos. Pra que esperar ainda mais? Bom, está como parte das minhas resoluções pra 2009. 🙂

Pra botar um ponto final na novela “chega de sofrer”, bastava a vinda do Davide pra cá. Mas isso eu sei que ainda não acontecerá em 2009. Então vai ser um ano mais pra sozinho, nesse aspecto. Ó vida… Por outro lado, isso abre a oportunidade de ser uma fase de evolução profissional (na verdade, tem sido isso desde que eu cheguei nos EUA em Junho/2004). Ano que vem já estou bombando de coisa no trabalho. Já vários cursos agendados. Tenho certeza que vai ser muito produtivo.

Alguns outros little pocket plans e highlights para um 2009 feliz :):

  • Ir pro Brasil — Ainda não sei quando mas não vai dar pra passar o ano todo sem ir.
  • Aprender a cozinhar — Eu já comecei esse item, na verdade. Nas últimas semanas tenho feito uns experimentos culinários. Aprendi a fazer meatloaf, souffle e bolo de banana com morango. Com o tempo vou aumentando o repertório.
  • Quero começar a yoga. Esse ano eu fiquei ignorando este fato, mas ano que vem vai.
  • Mais amizades, please! Aqui as coisas acontecem mais devagar mas já estou começando a sentir uma camaradagem maior do pessoal do trabalho (meu único circulo de amigos no momento). Acho que é uma questão de tempo. Ainda mais quando não se está no Brasil ou no meio acadêmico. No Brasil você faz amigos em uma fração de segundos. No meio acadêmico você acaba conhecendo muita gente. Na vida “normal” e ainda mais nos EUA, eu acho que demora…
  • Visita de mami e papi! Eles vêm passar os meses de maio e junho aqui comigo. Então vou ter 2 meses de vida em família! Whooooo! Meus pais vão amar isso aqui, tenho certeza. Se eles já gostavam de Columbus…
  • Visita do davide! É bem provável que o Davide venha pra cá em agosto durante umas 3 semanas. Olha eu aqui comemorando e ainda vou ter que passar 7 meses sem vê-lo antes disso.

E vocês, quais são os espetaculares planos para o novo ano?

Meu primeiro teste de usabilidade dezembro 16, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in profissao.
add a comment

Essa semana estou assistindo ao primeiro teste de usabilidade com um produto que estou fazendo o design aqui na Microsoft. Eu nunca tive um design meu num teste de usabilidade antes e esta sendo uma experiencia muito legal. Esse vai ser o primeiro numa serie de varios que ainda vou passar aqui na Microsoft.

Fora isso, eu me voluntariei pra mais uma atividade fora das minhas obrigacoes por aqui. E’ pra fazer um video mostrando um dia na vida de um profissional de User Experience. Sei que ‘e mais uma responsabilidade e muita gente me questiona pq eu faco trabalhos que estao fora do esperado. Mas como sou nova aqui, acho que vai ser uma boa oportunidade pra aprender mais sobre minha profissao. Depois disso quero ficar mais tranquila, continuar com minhas leituras, estudos e so.

E so pra constar: esse e’ o post numero 400 deste blog. 🙂

BuddyWall no International Journal of Design dezembro 9, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in profissao.
1 comment so far

Mais uma boa notícia na área!
O pessoal do congresso Design&Emotion que fui em Hong Kong selecionou 6 artigos do congresso para serem pulicados em uma edição especial no International Journal of Design sobre design e emoção.

Qual foi a minha emoção ao saber que nosso querido BuddyWall foi um dos selecionados. Yuhuu! Fiquei feliz e animada com a notícia! Mais uma oportunidade de ganhar experiência.

O prazo pra enviar a primeira versão do paper é 28/fevereiro e a 2a versão deve ser submetida até 14/maio.  Ou seja, só lá pra metade do ano que vem estará disponível.

Ainda no assunto design & emoção, agora lá no trabalho acabei de começar um projeto (junto com 2 pesquisadores) sobre como medir reação emocional a produtos. Ainda tá bem no comecinho, mas tô animada que isso vai ser parte do meu trabalho. Disso aí pode sair um paper e oportunidade de ir a mais um congresso. Ihiii!

Consegui o waiver!!! dezembro 8, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in profissao.
4 comments

Hoje é um dia pra comemorar!
Lembram daquele problema que eu tinha com meu visto? Eu estava com uma condição que dizia que eu deveria morar no Brasil por 2 anos antes de poder trocar de visto nos Estados Unidos. Em março a Microsoft vai aplicar pro meu visto de trabalho (ainda estou usando o visto de estudante) e com aquela condição no meu visto eu não ia poder receber o de trabalho, teria que voltar ao Brasil.

Mandei toda documentação pra embaixada brasileira pedindo para me liberarem desta condição. Até meu chefe da Microsoft escreveu uma carta pedindo para eu não voltar ao Brasil pois precisavam de mim aqui.

Depois de 1 mês de espera hoje recebi uma carta da embaixada brasileira dizendo que eles não possuem objeção à minha permanência nos EUA e enviaram nota oficial ao Depto de Estado americano informando isso. Uhuuuuu! Agora é só uma questão de aguardar a papelada ficar pronta, mas a parte duvidosa já não existe mais.

Agora o próximo passo é aguardar a época que a Microsoft aplicar pro meu visto de trabalho. Também não é 100% garantido de conseguir. Ouvi dizer que eles mandam pra Vancouver, no Canadá, as pessoas que não conseguem. Enfim, qualquer experiência pra mim é valida. O importante é que não vou perder o emprego. 😀

Para comemorar este momento sublime, vejam a musica que selecionei:

Dezembro! dezembro 3, 2008

Posted by Melissa Quintanilha in divagacoes.
4 comments

Gente, dá pra acreditar que já é Dezembro?
Todo ano a gente diz que voou, mas esse especificamente parece que passou mais rápido pra mim. Será que o tempo começa a passar mais rápido quando se chega perto dos 30? heheh

É que esse ano aconteceu muita coisa importante na minha vida. Não foi um ano qualquer. Terminei meu mestrado, me libertei de Ohio e tô começando a vida de verdade. Ohio foi um exílio pra mim, sinceramente. Perfeccionista do jeito que eu sou, pra dar conta daquele mestrado tive que basicamente me abstrair de quase 70% da vida social. Foi um período de imersão que acho que foi sofrido mas totalmente essencial pra minha formação pessoal e profissional.

Agora tô numa empresa gigante, há somente 3 meses e já recebi diversos reconhecimentos pelo meu trabalho, já fui pra congresso em Hong Kong, fiz apresentação pra equipe toda e recebi elogio do chefe dos program managers dizendo que eu excedi suas expectativas, coisa que raramente acontece. E olha que eu acho que ainda posso fazer muito melhor no futuro. Parece um caminho bem animador, de muitas possibilidades. Espero que dê certo!

Vou confessar: tô vivendo uma fase bem nerd, toda dedicada ao trabalho. Mas a beleza disso é que não é por obrigação e sim por vontade própria. Tô seguindo 100% minha intuição. É meio estranha essa nerdisse no meu ponto de vista, mas se estou sentindo que é isso que devo fazer, vamos la! Tanta coisa na minha frente pra aprender, e eu quero ficar boa no que faço. Como a vida pessoal ainda tá muito fraca, eu foco minhas energias no meu real propósito de estar morando fora: evolução profissional e pessoal. E tô num lugar que me dá todos os recursos de graça. Ou melhor, me pagam por isso!

Eu sou nova, sozinha, ainda tenho muita energia pra gastar por aí, então vou focar essa energia em algo que me faça crescer. Em breve outros aspectos da vida começam a melhorar também.

Por enquanto está bom: ciclismo, trabalho e estudo. 🙂
Vamos ver o que vou escrever em Dezembro de 2009…